Exposição “Brasília em Linhas” reabre Espaço Oscar Niemeyer na Capital Federal

Foto: Lucas Nogueira/Divulgação

Brasília em Linhas é a mais recente exposição do artista plástico Jailson Belfort. A mostra composta de 60 obras feitas com esferográficas, homenageia os 60 anos da Capital Federal e retrata seus principais monumentos e ícones.

A exposição, com visitação de 25 de setembro de 2020 a março de 2021, também marca a reabertura do Espaço Oscar Niemeyer, em Brasília, que esteve fechado para reformas, e ainda a volta da visitação de museus no Distrito Federal, em horários e dias reduzidos: de sexta a domingo, das 10h às 16h. Os espaços estiveram fechados nos últimos meses por conta de medidas protetivas contra o Covid-19.

Cada arte retrata Brasília por meio de milhares de traços. O artista maranhense evidencia a precisão, a dedicação e a atenção aos detalhes numa técnica única e inovadora. Para esta composição, utilizou-se linhas, curvas e texturas variadas, inspiradas pela beleza e simplicidade brasiliense.

“As obras apresentam um ponto turístico retratado em duas tonalidades. A cor viva representa o céu icônico da cidade. A neutra, revela detalhes do monumento, num efeito de Gestalt que brinca com os elementos de luz, sombra, figura, fundo e ângulo”, explica o artista.

 

“Os Candangos”, obra de Jailson Belfort/Divulgação

Serviço

Exposição Brasília em Linhas

Do artista plástico Jailson Belfort

De 25 de setembro a março de 2021

Visitação de sexta a domingo, das 10h às 16h

Espaço Oscar Niemeyer – Praça dos Três Poderes

Acesso gratuito

“Santuário Dom Bosco”, obra de Jailson Belfort/Divulgação

 

“Teatro Nacional”, obra de Jailson Belfort/Divulgação