O tempo de J. Carlos

“Casal”, de J. Carlos. Foto: Danielian Galeria/Divulgação

A Danielian Galeria está exibindo em seu site um tour virtual em 3D da exposição J. Carlos – Além do Tempo, com 84 desenhos do grande artista, em um conjunto inédito para o público, reunido pelo curador Rafael Peixoto.

Dividida em cinco segmentos – As capasA políticaA sociedade, A revista e Les femmes –, a mostra está montada na galeria carioca, sediada em uma casa de dois andares na Gávea, ainda fechada ao público até que haja segurança diante da pandemia. Junto com o tour virtual, estará disponível gratuitamente no site da galeria o PDF do livro-catálogo da exposição, de 80 páginas, com todas as imagens e textos de Rafael Peixoto, explicativos de cada segmento.

Além do Tempo cobre o período de 48 anos da produção de J. Carlos (1884 – 1950), como ficou conhecido José Carlos de Brito e Cunha, carioca de Botafogo, que viveu grande parte de sua vida no bairro da Gávea. Para selecionar as obras da exposição, Rafael Peixoto mergulhou nas 300 obras do acervo que pertenceu a Carlos Alberto de Brito e Cunha, neto do artista.

– J. Carlos atuou como um cronista visual, traçando os jogos políticos, as dicotomias sociais, e as nuances dos primeiros 50 anos de república no Brasil, temperados por um senso de humor ácido, debochado e crítico – conta o curador.