Como as redes sociais podem ajudar instituições culturais, por Renata Meirelles, produtora do CHC Santa Casa

O Centro Histórico-Cultural da Santa Casa se prepara para quando a volta do público for segura

Renata Meirelles, produtora do Centro Histórico-Cultural Santa Casa, explica no episódio desta semana do NDM TV como a instituição vem usando plataformas digitais e redes sociais, como YouTube e Spotify, para manter a cultura ativa. Ela diz que essas ferramentas são fundamentais para continuar em contato com o público e mobilizar quem se interessa pelas atividades da instituição.

O Noite dos Museus nasceu com o objetivo aumentar a visibilidade de museus e instituições culturais do país, e os responsáveis pela manutenção desses espaços são figuras decisivas para que projetos como o nosso promovam – juntos – o acesso democrático à arte no Brasil.

Semanalmente, gestores culturais brasileiros darão depoimentos ao NDM TV sobre as conquistas e os desafios do setor. Essa série de vídeos dá voz aos objetivos, desafios, dificuldades e conquistas de diretoras e diretores de museus, instituições, centros culturais e órgãos ligados à cultura de todo o país.

Confira o depoimento de Renata Meirelles abaixo: